Bairro de Alfama e Rio Tejo em Lisboa

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Uma curta de animação: A ponte











"Uma comida rica?"



Como dizem alguns alunos: "O bacalhau/arroz, etc. está muito rico"... Ai, o espanhol a trair-nos mais uma vez...


port. rico
adjetivo
1.que tem riquezasopulento
2.abundantefértil
3.magníficoesplêndido
4.preciosovalioso
5.beloagradável
6.querido
7.figurado feliz
nome masculino
indivíduo que tem riquezas ou possui coisas de valor
Do gótico reiks, «poderoso», pelo antigo alto- al. rihhi, «idem»


esp. rico
adjetivo
1. (adinerado) rico, abastado
2. (abundante) rico [en, em], abundante [en, em];
rico en vitaminas rico em vitaminas
3. (comida) saboroso, gostoso, delicioso


Infopédia. Dicionários da Porto Editora




Atenção: TUDO e todo



Há diferença entre tudo (invariável) - todo (variável: todo, toda, todos, todas) em português. Gera muita confusão nos alunos espanhóis, ou hispano-falantes para melhor dizer. Mas achei este vídeo, e julgo que será bom para alguns (muitos?) de vocês.





De manhã, à tarde, à noite; de manhã, à tarde, à noite...









quarta-feira, 26 de abril de 2017

Cumprimentar, apresentar e apresentar-se...


Para os alunos do 1º ano, estes diálogos retirados do livro Lusofonia, como apoio do que estamos a estudar neste momento.


A Ana e o João estão numa esplanada. O Carlos passa na rua e cumprimenta a Ana.

Carlos: Olá, viva!
Ana: Olá, bom dia!
João: Quem é ele? Eu não o conheço...
Ana: É o Carlos Santos. É meu vizinho.
João: O que é que ele faz?
Ana: Trabalha na Rádio.
João: Ah sim ? É jornalista?
Ana: Não. Trabalha nos serviços administrativos.
João: Parece simpático!...
Ana: Ele é simpático... É mesmo muito simpático!...



A Joana encontra a Teresa e apresenta-lhe o irmão, o Miguel.

Joana: Olá, Teresinha, bom dia!
Teresa: Ó Joana! Olá, por aqui? Estás boa?
Joana: Estou ótima. É verdade, já conheces o meu irmão?
Teresa: É o teu irmão?! Sou a Teresa Almeida. Muito prazer.
Miguel: Muito prazer. Miguel Ramos.
Joana: Para onde é que tu vais?
Teresa: Vou para a biblioteca.
Miguel: Olha que coincidência! Nós também...
Joana: Ótimo! Vamos todos...



O João e o Pedro são amigos e encontram-se na rua por acaso ...

João: Olá. Bom dia. Tudo bem?
Pedro: Olá, João! Viva! Como é que estás?
João: Estou ótimo. Onde é que vais?
Pedro: Vou ali ao quiosque, vou comprar o jornal; queres vir também?
João: Não, agora não posso. Não tenho tempo. Eu telefono-te mais tarde, OK?
Pedro: Está bem. Então até logo.
João: Até logo.



A D. Manuela apresenta a sra. D. Ana Oliveira ao Director.

D. Manuela: Dá-me licença , sr. Director? Está aqui uma senhora que quer falar com o senhor . É jornalista.
Dir: Ah, sim? Pode mandar entrar.
D. Manuela: Faça favor de entrar, minha senhora.
[Para a senhora] Apresento-lhe o senhor director.
[Para o director] É a senhora D. Ana Oliveira.
Ana: Boa tarde, sr. Director. Sou a Ana Oliveira. Muito prazer.
Dir: Faça o favor de se sentar. Toma um café?
Ana: Um café? Tomo com muito gosto. Muito obrigada.




terça-feira, 25 de abril de 2017

O 25 de Abril para as Crianças: O Tesouro, de Manuel António Pina



Vamos ler um breve conto intitulado O Tesouro, escrito por Manuel António Pina, para que vocês comprendam o significado da Revolução do 25 de Abril de 1974, conhecida como a Revolução dos Cravos, para a história contemporânea de Portugal.

Arquivo Electrónico / O 25 de Abril para os mais novos








"A música que em 25 de Abril de 1974 lançou os Militares Portugueses para a rua. Era o inicio do golpe de Estado. "Acabava" a Ditadura.."




segunda-feira, 24 de abril de 2017

De "-ción" espanhol a -ção português


Estão a ver? É muito fácil aprender muito vocabulário português sem esforço sendo espanhol ou falando a nossa língua.

Vou dar uma dica muito fácil. Como passar de palavras espanholas que terminam em -ción para as correspondentes palavras portuguesas. Substituímos esta terminação por -ção, e pronto, já temos a palavra em português. A origem é a terminação latina -tione (Já temos falado várias vezes do latim, língua mãe das nossas duas línguas).

Por exemplo, vejam como é fácil passar do espanhol "canción" para o português canção.

Agora podem fazer vocês:

imaginación, tentación, nación, situación, animación, edición, loción, tradición...


Há algumas excepções como lição ("lección"), mas não faz mal. Essas excepções vocês aprendem aos poucos.


,




"Karingana ua karingana"



Karingana ua karingana: Fórmula clássica de iniciar um conto em Moçambique e que possui o mesmo significado de “Era uma vez”.  É o título de um livro do poeta moçambicano José Craveirinha.