Bairro de Alfama e Rio Tejo em Lisboa

sexta-feira, 28 de março de 2014

Mora

Igreja da Misericórdia de Mora

Na próxima quarta-feira, dia 2 de abril, um grupo de alunos do ano da ESO  vai visitar o Fluviário de Mora, que fica a uns 5 km desta vila alentejana. Como não temos tempo de conhecer Mora, fica esta mensagem aqui para que saibam um bocado dela.






Mora é uma vila portuguesa, no Distrito de Évora, região Alentejo e sub-região do Alto Alentejo, com cerca de 2 500 habitantes.

É sede de um município com 443,46 km² de área e 4978 habitantes (2011), subdividido em 4 freguesias. O município é limitado a norte pelo município de Ponte de Sor, a nordeste por Avis, a leste por Sousel, a sueste por Arraiolos e a oeste por Coruche.

O concelho recebeu foral de D. Manuel I em 1519.


Património

O concelho de Mora possui o seguinte património classificado 13:20pelo IPPAR:

  • Torre das Águias
  • Anta de Pavia, transformada em capela de São Dinis
  • Igreja Matriz de Pavia ou Igreja Matriz de São Paulo
  • Cromeleque do Monte das Fontaínhas Velhas ou Cromeleque 1 das Fontainhas
  • Edificações junto à Igreja Matriz de Brotas ou Santuário da Senhora das Brotas
  • Santuário de Nossa Senhora das Brotas ou Igreja Matriz de Brotas
  • Pelourinho de Cabeção

(Fonte: Wikipédia)


Não vamos ver esta torre nesse dia, mas deste modo fazem uma ideia de como ela é.




A Torre das Águias localiza-se na povoação de Águias, freguesia de Brotas, concelho de Mora, distrito de Évora, em Portugal.

É um dos exemplares mais significativos de torres manuelinas na região (Torre do Esporão, Solar da Camoeira), Castelo de Torre de Coelheiros e Quinta da Torre do Carvalhal), embora careça de urgente intervenção de consolidação e restauro por parte do poder público.