Bairro de Alfama e Rio Tejo em Lisboa

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

"Sempre a questionar, sempre a questionar!"


Tinha-me esquecido das letras do Webcedário. Cá estão e hão de voltar mais vezes, é claro. Se clicarmos na etiqueta podemos ver outras mensagens dele.

Um ponto de exclamação e um ponto de interrogação à conversa. O primeiro queixa-se... Como já sabem, em português só se usam no fim da frase.