Bairro de Alfama e Rio Tejo em Lisboa

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Visita ao Museu do Café em Campo Maior

Os alunos à espera do começo da visita ao Museu do Café

Na passada terça-feira, dia 1, os alunos de português das turmas de 1º B, 1º C e 1º D fizeram uma visita ao Museu do Café e à fábrica de Delta Cafés em Campo Maior, acompanhados pelos professores Maribel e Pedro e pela leitora de português, Marisa.

A funcionária do Museu explicou-lhes em português os nomes das diferentes qualidades -arábica e robusta-, em que países é que se cultivam. Todos puderam ver amostras desses cafés. Souberam da apanha deste fruto que tanta importância tem no mundo ocidental e viram algumas plantas naturais que o museu tem numa estufa (= “invernadero”).

Os alunos viram também aparelhos antigos empregados no processo de torração do café, cafeteiras antigas de diversos tipos, moínhos, etc., para além de muitas fotografias e painéis explicativos com breves textos e gráficos.


Os alunos seguindo as explicações da funcionária

Uma vista do interior do Museu

É natural que, dada a sua idade, os alunos não gostem ainda desta bebida, mas de certeza que virá o dia em que eles a apreciem e possam pedir em Portugal um café ou uma bica.

A seguir, e divididos em dois grupos, os alunos realizaram uma visita guiada à fábrica onde puderam ver como é que se torra o cafe, o processo de embalagem, e não só do café, mas também de açúcar e de diferentes infusões. Pena foi que o barulho das máquinas impedisse o seguimento das explicações dos nossos guias por parte de todos os alunos.


A caminho da visita à fábrica