Bairro de Alfama e Rio Tejo em Lisboa

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Contos de natal escritos por meninos


Sim, contos de Natal escritos por meninos, mais pequenos do que vocês, como podem ver. São muito simples e não há problemas de vocabulário.

Escrito pela Catarina Querido, 9 anos, Lisboa:

O Chocolate de Natal

Olá, eu nasci numa manhã de Dezembro. Tinha a forma de um Pai Natal e percebi logo que o Natal se aproximava. Numa carrinha levaram-me para um supermercado, onde me puseram numa prateleira ao pé de chocolates iguais a mim. Uma menina, que se chamava Sara, pegou em mim e levou-me para sua casa.
Comeu-me na noite de Natal com os seus amigos e amigas...
E assim foi a minha vida, a vida que qualquer chocolate pode ter.


Escrito pela Cíntia Alberto, 7 anos, Alto do Seixalinho:

Era uma vez uma menina chamada Joana que vendia pensos. E ela era muito pobrezinha e no Natal não tinha prendas. Ela não podia ir à escola porque tinha de ir trabalhar.
A Joana era muito boazinha e toda a gente gostava muito dela, mas um dia a Joana estava a trabalhar e o Pai Natal também gostava muito dela e o Pai Natal foi lá para ir lá por os presentes.
Estava ela quase a fechar os olhos quando ouviu um barulho, foi ver, era o Pai Natal.
Pois o Pai Natal se tinha mostrado àquela menina porque ela era muito boazinha e era muito pobrezinha e porque o sonho dela era ver o Pai Natal em carne e osso.
O Pai Natal também ficou muito contente por a conhecer e também por ver o sorriso da menina a brilhar outra vez.
E a menina ficou maravilhada por conhecer o Pai Natal.


Escrito pela Winnie Vanessa, 10 anos, Aveiro:

Era uma vez uma menina chamada Marta. A Marta escreveu uma carta ao Pai Natal.
Sabem o que aconteceu... O Pai Natal esqueceu-se da Marta.
Ela estava tão triste que nem foi as aulas. No dia seguinte a professora perguntou-lhe por que não tinha ido às aulas. E ela contou-lhe o que se passava. A professora riu-se e ao mesmo tempo mexeu na mochila.
O que será?
Era um presente.
Ela ficou tão feliz!

(Fonte: Site Júnior )