Bairro de Alfama e Rio Tejo em Lisboa

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Olhem essa bola aí!




Ainda estamos no inverno... Não gostavam de jogar futebol aí, numa dessas lindas praias brasileiras?  Assim, para começar a semana. Ainda por cima, ainda é verão naquele país!

Essas praias são da cidade de Paraty, que fica no estado do Rio de Janeiro. As fotografias são de Juliana Fumero.



sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

'Eles' e não 'elos'

Elos (Fotografia de @rmando)

Estão a ver o que são os elos? Reparem na fotografia. Podem ver nela vários elos de uma cadeia (o dicionário Priberam diz-nos que um elo é  "cada um dos anéis de uma cadeia").

Mas o plural do pronome pessoal da 3ª pessoa, ele, é eles, com e,  e não elos. Aqueles de vocês que escrevem, por exemplo, "Elos" falam, "elos" comem.. estão a sofrer uma confusão com o pronome espanhol "ellos".  Já temos visto isso muitas vezes nestes meses, mas ainda há por aí alguns colegas..., não é verdade?

Vamos lá ver se com esta fotografia da cadeia vocês se lembram do que são os elos, um substantivo, e não um pronome pessoal. Vou escrever bem grande cá em baixo esse pronome pessoal...


Ele é espanhol  / Eles são espanhóis



terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Quando nada importa (Victor Knabben)


Quando nada importa é o titulo desta fotografia.

Esse menino soltando sua pipa, retrata quando nada importa, nem mesmo o local impróprio.


(Texto e fotografia de Victor Knabben)


Reparem o que é uma pipa no Brasil. Em Portugal dizem papagaio.


Para começar a semana (Lia de Paula)



Para começar a semana é o titulo desta fotografia que a fotógrafa brasileira Lia de Paula tirou, e que nos serve a nós para começar também a nossa semana com este postal do Brasil. Alegria, alunos e alunas, vamos lá aprender mais alguma coisa!

Para mais alegria o sorriso da menina em baixo... O título desta outra fotografia é Sorriso de olho. Dá para perceber?

Fotografia de Lia de Paula

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Que horas são em Portugal?


Repito: Que horas são em Portugal? As mesmas do que em Espanha? Todos vocês sabem isso. As mesmas horas do que numa parte de Espanha, as Ilhas Canárias: menos uma hora. E há mais para dizer. Por exemplo, não são as mesmas horas em todo o território português. Vamos ver...

Vocês devem ter ouvido montes de vezes na televisão ou no rádio, "... una hora menos en Canarias". Que horas são agora que estamos a ler isto? Devemos subtrair uma hora, e essas é que são as horas em Portugal, continental, e na ilha da Madeira, porque no arquipélago dos Açores, que fica mais a Oeste, devemos subtrair mais uma hora.

Fica mais claro assim?

Horas em Espanha8:30 da manhã, por exemplo, quando nós começámos as aulas.

Horas em Portugal e na ilha da Madeira7:30 da manhã (menos uma hora do que nós)

Horas nos Açores6:30 da manhã (menos duas horas do que nós)


Já agora, vejam onde ficam as ilhas Açores, quase no meio do Oceano Atlântico. Nunca ouviram falar do anticiclone dos Açores?








terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Mais alunos músicos


Já vimos que o Jorge está a aprender a tocar acordeão. A Núria está a estudar violino,  e sabe também tocar guitarra. O Jesús é autodidacto ("Que aprende sem mestre, que é mestre de si próprio") e toca também guitarra.

Será que eles gostam da música do grande compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos? Esta é a Bachiana nº 5, aqui interpretada numa versão para violino e guitarra.

Do Juan falamos noutro dia.


segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Parabéns a você


Esta é a letra do Parabéns a você. Já ouviram Marisa a cantá-la hoje de manhã. Podem aprendê-la para a cantar no aniversário (= cumpleaños") dos amigos.

Também se diz dia de anos, ou os anos. E assim, podem perguntar aos amigos portugueses:

Quando é o teu aniversario? ou  Quando é o teu dia de anos? ou  Quando são os teus anos?


Parabéns a você
nesta data querida,
muitas felicidades,
muitos anos de vida.

Hoje é dia de festa,
cantam as nossas almas,
para o menino (nome) / para a menina (nome)
uma salva de palmas.

E, já sabem, aqui toda a gente bate palmas... É o dia de anos de alguém?


segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Visita ao Museu do Café em Campo Maior

Os alunos à espera do começo da visita ao Museu do Café

Na passada terça-feira, dia 1, os alunos de português das turmas de 1º B, 1º C e 1º D fizeram uma visita ao Museu do Café e à fábrica de Delta Cafés em Campo Maior, acompanhados pelos professores Maribel e Pedro e pela leitora de português, Marisa.

A funcionária do Museu explicou-lhes em português os nomes das diferentes qualidades -arábica e robusta-, em que países é que se cultivam. Todos puderam ver amostras desses cafés. Souberam da apanha deste fruto que tanta importância tem no mundo ocidental e viram algumas plantas naturais que o museu tem numa estufa (= “invernadero”).

Os alunos viram também aparelhos antigos empregados no processo de torração do café, cafeteiras antigas de diversos tipos, moínhos, etc., para além de muitas fotografias e painéis explicativos com breves textos e gráficos.


Os alunos seguindo as explicações da funcionária

Uma vista do interior do Museu

É natural que, dada a sua idade, os alunos não gostem ainda desta bebida, mas de certeza que virá o dia em que eles a apreciem e possam pedir em Portugal um café ou uma bica.

A seguir, e divididos em dois grupos, os alunos realizaram uma visita guiada à fábrica onde puderam ver como é que se torra o cafe, o processo de embalagem, e não só do café, mas também de açúcar e de diferentes infusões. Pena foi que o barulho das máquinas impedisse o seguimento das explicações dos nossos guias por parte de todos os alunos.


A caminho da visita à fábrica


sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Cuidado com a palavra 'habitação'



Ai, habitação, esta palavrinha é tão falsa para os espanhóis, não é? As nossas casas têm quartos e não têm habitações.

Vejam o que diz um dicionário desta palavra: "Casa, lugar de residência.(...) Moradia, residência". A habitación espanhola ou el dormitorio diz-se o quarto em português. Reparem que em espanhol também empregamos esta palavra

Com habitação traduzimos a palavra espanhola vivienda. E o que será um prédio de habitação? É fácil: un edificio de viviendas, bem diferente de um prédio de escritórios, não é?




quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

O Jorge toca acordeão



O Jorge, aluno da turma de 1º D, toca acordeão, ou pelo menos, está a aprender a tocar.  Esta mensagem vai dedicada para ele. A Rosinha dos limões é uma canção tradicional portuguesa.

Há mais músicos na sala de aula?




A ROSINHA DOS LIMÕES

Quando ela passa, franzina cheia de graça
Há sempre um ar de chalaça, no seu olhar feiticeiro
Lá vai catita, cada dia mais bonita
E o seu vestido de chita, tem sempre um ar domingueiro

Passa ligeira, alegre e namoradeira
A sorrir p’ra rua inteira, vai semeando ilusões
Quando ela passa, vai vender limões à praça
E até lhe chamam por graça, a Rosinha dos limões

Quando ela passa, junto da minha janela
Meus olhos vão atrás dela até ver da rua o fim
Com ar gaiato, ela caminha apressada
Rindo por tudo e por nada e às vezes sorri p’ra mim


Refrão (Falso amigo. "Estribillo")


Quando ela passa, apregoando os limões
A sós com os meus botões, do vão da minha janela
Fico pensando que qualquer dia por graça
Vou comprar limões à praça........e depois caso com elaaaa!


terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Cegarrega para crianças (Mário-Henrique Leiria)




CEGARREGA PARA CRIANÇAS

A Velha dormindo
o rato roendo
a Velha zumbindo
o rato correndo
a Velha rosnando
o rato rapando
a Velha acordando
o rato calando
a Velha em sentido
o rato escondido
a Velha marchando
o rato mirando
a Velha dizendo
o rato escutando
a Velha ordenando
o rato fazendo
a Velha correndo
o rato fugindo
a Velha caindo
o rato parando
a Velha olhando
o rato esperando
a Velha tremendo
o rato avançando
a velha gritando
o rato comendo

Mário-Henrique Leiria

Uma cegarrega é um instrumento que faz um ruído parecido ao fretenir da cigarra.